domingo, 9 de março de 2014

Wenger e mais uma lição de contra-ataque


Mais uma lição do Arsenal de Wenger a desmontar o mito de que jogar em contra-ataque é colocar jogadores rápidos nos corredores laterais para conduzirem a jogada longe dos adversários. O problema desta forma de pensar é que longe do adversário significa normalmente longe da baliza...
O Arsenal explica melhor do que eu. Sem extremos, já agora...

video

Tudo isto numa equipa que ataca predominantemente em organização.

5 comentários:

  1. Muito bom.
    o Dortmund também mostra isso mt bem.

    http://www.dailymotion.com/video/x1bj1n3_werder-bremen-0-4-borussia-dortmund-goal-henrik-mkhitaryan_sport

    ResponderEliminar
  2. Verdade! Aliás, o Dortmund baseia quase toda a sua organização ofensiva em ataque rápido ou contra-ataque.

    ResponderEliminar
  3. Wenger tem que comprar defesas a sério. Só aí é que se vai tornar um real concorrente ao título. De resto, Wenger sabe muito bem o que faz.

    ResponderEliminar
  4. De facto a última linha é a que me assusta mais no Arsenal. Não tenho a certeza que seja só falta de qualidade individual, mas podes ser que esteja enganado...

    ResponderEliminar